sexta-feira, 15 de abril de 2016

POLITIQUICES

Collado

POLITIQUICES

Sentados nas bancadas do povo
jogam com as palavras
e riem.
Riem de quê
pergunto eu
na minha eterna ignorância.
Percorrem as redes sociais
tentando limpar
a sua ineficácia
com discursos estudados
até ao último pormenor.
É vendar os olhos
a quem ainda quer ver
para vencerem
e permanecerem
no pedestal do poder.
O povo de cabresto enfeitado
encolhe os ombros
e prossegue resvalando
na sua triste realidade.
Votem, votem,
olhem para mim
a beijar velhinhos e crianças,
a beber ginginhas e minis
a provar bolinhos e pastelinhos
a ouvir rap em bairros pobres.
A abraçar velhos e novos,
a percorrer vilas e cidades
num carocha emprestado..
E cai-se na lábia
de tantos
que só nos conhecem
para lhes enchermos os cofres.

Sem comentários:

Publicar um comentário