sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

VERTICALIDADE DA ALZIRA

José Gonzalez Collado

VERTICALIDADE DA ALZIRA  

Não tem intolerância
a qualquer alimento
nem aos morangos
nem ao chocolate.
Só presta atenção à sua vida
a dos outros
não lhe faz monta. 
Não insinua nada
quando fala
é de certezas confirmadas.
É mais de silêncios
que de palavras vazias.
Oferece-se sempre
para  iniciar
justas reivindicações.
É linda de morrer
para lá de qualquer espelho
ou água parada.
Ajoelhada
frente a este mundo conturbado
tem dificuldades em viver

com o seu parco ordenado.

Sem comentários:

Publicar um comentário